Pular para o conteúdo
Voltar

Governo apresenta números e esclarece dúvidas sobre edição de Cuiabá

Mel Mendes | GCom-MT

Mayke Toscano/GCom-MT
A | A

O governador Pedro Taques detalhou os objetivos e o funcionamento da 13ª edição Caravana da Transformação em entrevista coletiva concedida na manhã desta segunda-feira (09.04) no Palácio Paiaguás. Na ocasião, foram esclarecidas as principais dúvidas em relação à iniciativa do Governo do Estado que oferta gratuitamente procedimentos oftalmológicos e serviços de cidadania à população.

Em 12 edições, a Caravana da Transformação já realizou mais de 69 mil consultas e 47.142 cirurgias oftalmológicas. Deste total, mais de 36 mil (76%) foram cirurgias de catarata, procedimento recordista de esperas na fila do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Já realizamos quase cinquenta mil cirurgias. Essas eram pessoas que estavam lá, nas filas, e não eram vistas pelo poder público. A Caravana, com apoio dos municípios, foi buscar essas pessoas. Combinando ações emergenciais com ações estruturantes em saúde, estamos garantindo o atendimento que elas merecem”, afirmou o governador.

Além disso, o chefe do Executivo destacou a excelência do serviço prestado pela Caravana. “A taxa de recorrência dos pacientes que fazem a cirurgia na Caravana é menor que nas cirurgias feitas em clínicas de todo o Brasil. Hoje, alcançamos 98% de resultados positivos nas cirurgias, tudo auditado e regulado dentro dos critérios do Ministério da Saúde e Vigilância Sanitária”, completou.

Durante a coletiva, o secretário do Gabinete de Governo e coordenador geral da Caravana da Transformação, José Arlindo Oliveira falou sobre a estrutura e o aporte de recursos do evento, além de esclarecer os critérios para regulação dos pacientes que serão atendidos.

Segundo ele, a Arena Pantanal receberá um prolongamento estrutural de 150 metros feito com carretas ambulatoriais que serão utilizadas durante os dias do evento e o atendimento pós-operatório dos pacientes (realizado até 30 dias após a cirurgia). A ação é realizada com recursos próprios do Governo do Estado e nesta edição o valor investido será de cerca de R$ 3 milhões.

“A Caravana da Transformação representa economia ao cidadão e otimização de recursos. Cada cirurgia de catarata na rede privada custa entre R$ 6 mil e R$ 10 mil. Na Caravana, o Governo paga o valor previsto na tabela SUS, de R$ 771, sem custo ao usuário e com garantia de qualidade”, concluiu o coordenador da iniciativa.

13ª Edição

A Caravana da Transformação edição Cuiabá será realizada entre os dias 16 de Abril e 10 de Maio, na Arena Pantanal. A expectativa da organização é que durante o evento sejam realizadas 20 mil consultas oftalmológicas e 15 mil cirurgias de catarata, yag laser e pterígio, além de milhares de atendimentos de cidadania.

Serão beneficiados pacientes regulados na capital e nos municípios de Várzea Grande, Acorizal, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nova Brasilândia, Nossa Senhora do Livramento, Planalto da Serra, Poconé, Santo Antônio do Leverger, Rosário Oeste e Nobres.

Para saber mais sobre a os locais e procedimentos de regulação de pacientes, clique aqui. O Governo do Estado disponibilizou também um link que esclarece as principais dúvidas sobre a iniciativa. Veja aqui: http://www.mt.gov.br/-/9527332-perguntas-e-respostas-sobre-a-caravana-da-transformacao.





Editorias